Cerca Elétrica


A cerca elétrica tem a finalidade de proteger a área periférica do imóvel residencial, comercial, condomínios, indústrias, etc.
 
É composta basicamente por:
 
- Central de Choque (Eletrificadora)
- Hastes de Alumínio
- Fio de Aço
- Barra de Aterramento
- Placas de Advertências
- Sirene e bateria
 
A eletrificação é feita através de fios instalados sobre muros ou grades a ser protegido, com a função de evitar o acesso de indivíduos ao imóvel gerando um choque elétrico ao intruso ao tocar na fiação, disparando a sirene quando houver o rompimento ou aterramento dos fios.
 
A cerca elétrica só pode ser instalada sob o domínio de propriedade do cliente, inclinada para dentro do imóvel, em alturas iguais ou superiores a 2,00 m. 
 
O choque provocado pela cerca é conhecido como choque moral, possui alta voltagem e baixa amperagem. É pulsativa. Não queima, não deixa marcas e não faz com que os animais e as pessoas que nela encostem ou segurem fiquem grudadas.
 
A Cerca Elétrica é um sistema de segurança eletrônica de alto efeito psicológico e agora está ao alcance do cidadão comum. É o mais prático sistema de proteção de perímetros para residências, indústrias, sítios, etc.
 
Quando ocorre uma tentativa de invasão, a central de choque receberá uma comunicação de intrusão disparando a sirene e o invasor receberá um poderoso pulso de alta tensão, porém de baixíssima corrente, o que provoca apenas um susto, deixando as mãos do invasor dormente, por alguns minutos.
 
Possui uma bateria selada interna 12V 7Ah que assume a alimentação do sistema em casos de falta de energia elétrica, mesmo com os fios de aço cortados, a cerca continua eletrificada.
 
Para a instalação de cerca elétrica recomenda-se seguir os padrões de orientação, como:
 
• Sinalizar devidamente o local (perímetro) a respeito da cerca e suas conseqüências.
 
• Informar todos os moradores, funcionários e a quem se faça necessário, que ocupem a área interna da cerca, de sua finalidade e periculosidade. Principalmente as crianças, certificando-se de sua compreensão.
 
• Informar vizinhos sobre a finalidade e a periculosidade da cerca.
 
• Desligar o equipamento antes de regar plantas próximas à cerca, fazer podas de árvores ou plantas (caso exista) e fazer manutenção do equipamento ou do muro.
 
• Utilizar sempre assistência técnica autorizada/credenciada.
 
• Não deixar que a vegetação, caso exista, venha a tocar a cerca.